Pôster Eletrônico

22/11/2021 - 09:00 - 18:00
PE08 - Epidemiologia da saúde do adulto (TODOS OS DIAS)

33049 - MAMOGRAFIAS DE RASTREAMENTO NO CEARÁ: AVALIAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA ENTRE 2015 E 2019
PAULA BARBOSA DE CARVALHO - UNIVERSIDADE DE FORTALEZA - UNIFOR, EDUARDO LUIS DE OLIVEIRA BATISTA - UNIVERSIDADE DE FORTALEZA - UNIFOR, RICARDO SAMMUEL MOURA LIMA - UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ - UFC, NATALIA BARBOSA GOMES BASTOS - HOSPITAL GERAL DE FORTALEZA - HGF


Objetivos
Descrever a situação epidemiológica das mamografias de rastreamento no Ceará em termos de faixa etária e gravidade dos achados na população feminina.

Métodos
Estudo ecológico acerca das mamografias de rastreamento realizadas em mulheres acima de 40 anos no Ceará entre 2015 e 2019. Foram coletados dados através do Sistema de Informações sobre Câncer (SISCAN). Os dados foram agrupados quanto à faixa etária, ao índice BI-RADS e ao tamanho do nódulo encontrado. Os dados são apresentados em percentuais.

Resultados
O total de mamografias de rastreamento por 1.000 mulheres foi mais expressivo na faixa etária 50-54 anos (303,73), seguido pela de 55-59 anos (266,79), enquanto as menores ocorreram nas faixas de 75-79 anos (62,60) e 70-74 anos (102,48). A partir da faixa etária de 50-54 anos, a taxa de mamografias realizadas por 1.000 mulheres começou a decrescer. Quanto ao índice “BI-RADS”, no intervalo 75-79 anos, encontra-se o maior percentual de mulheres nas classes 4 e 5 (2,65%), enquanto na faixa 40-44 anos há o menor percentual nessas mesmas classes (1,01%). Pacientes sem mamografia anterior tiveram maiores percentuais de BI-RADS mais altos nas idades mais avançadas e maior percentual de nódulos acima de 21 mm (14,41%).

Conclusões
Dessa forma, torna-se preocupante a menor realização desse exame com o decorrer da idade. Isso se deve, principalmente, à ausência de consultas ao ginecologista, à baixa escolaridade e renda e à desigualdade geográfica de acesso ao exame, principalmente nas cidades pequenas, demonstrando que, além da saúde pública, este é um problema de desigualdade sociodemográfica.

Trabalhos Científicos

Veja as regras para envio dos resumos e fique atento aos prazos.

SAIBA MAIS
Programação Científica

Consulte a programação completa das palestras e cursos disponíveis.

SAIBA MAIS
Informações Importantes

Informe-se!
Veja as últimas notícias!

SAIBA MAIS